Director João Armando

Consórcio de bancos europeus financia Caculo Cabaça com 1.060 milhões de euros

Consórcio de bancos europeus financia Caculo Cabaça com 1.060 milhões de euros
Foto: D.R.

O financiamento será garantido pelo consórcio formado pelo Commerzbank, da Alemanha, e pelo UniCredit, de Itália, conforme autorização, por despacho presidencial de 03 de Dezembro.

Um consórcio de bancos da Alemanha e da Itália vai financiar o Estado angolano em 1.060 milhões de euros, para garantir a construção do Aproveitamento Hidroeléctrico de Caculo Cabaça, que será a maior barragem de Angola.

O financiamento será garantido pelo consórcio formado pelo Commerzbank, da Alemanha, e pelo UniCredit, de Itália, conforme autorização, por despacho presidencial de 03 de Dezembro.

Segundo o despacho assinado pelo Presidente João Lourenço, que aprova este financiamento internacional, há "necessidade de garantir financiamento para o fornecimento e instalação dos equipamentos electromecânicos para o Aproveitamento Hidroeléctrico de Caculo Cabaça, inserido no Programa de Investimento Público, no âmbito da política de investimentos para o desenvolvimento económico e social do País". (...)


(Leia o artigo integral na edição 502 do Expansão, de sexta-feira, dia 7 de Dezembro de 2018, em papel ou versão digital com pagamento em Kwanzas. Saiba mais aqui)

Partilhar no Facebook

Comentários

Destaques

ios Play Store Windows Store
 
×

Pesquise no i